18 de agosto de 2017

MAUS PAGADORES: LULA CHAMA OS FAZENDEIROS DE CALOTEIROS

Lula ataca ruralistas: pedem dinheiro e não gostam de pagar


Por Aparecido Silva
Em uma palestra para jovens em Cruz das Almas, no Recôncavo baiano, no Festival da Juventude, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a falar que sofre perseguição da elite.
"Por que me perseguem tanto? Acho que é porque fizemos com que o povo pobre pudesse começar a sonhar", apontou.
Em seu discurso, o petista contou vários episódios da sua vida e fez uma convocação aos jovens para que eles entrem para a política. Lembrou que o Movimento dos Sem Terra (MST) possui apenas três deputados federais como representantes no Congresso Nacional. Nesse momento, citou o deputado federal petista da Bahia, Valmir Assunção, que é uma das vozes do movimento mencionado, e perguntou quantos deputados tinha a bancada de ruralistas no Legislativo. O próprio respondeu que o grupo tem cerca de 240 parlamentares e emendou: "Ruralistas gostam de fazer duas coisas: pedir dinheiro no banco do Brasil e de não pagar".
Ao falar do início da sua militância no sindicato, disse ter descoberto, antes de decidir fundar o PT, que no Congresso não tinha trabalhador. Citou que, enquanto representante dos metalúrgicos, sentou muitas vezes com donos de jornais e fez graça: "Tinha algum me oferecia uísque, mas eu pra mostrar que era peão, dizia que queria cachaça".
Sua participação no Festival da Juventude encerrou sua passagem por Cruz das Almas. Agora, o petista segue com sua caravana rumo a São Francisco do Conde para um ato em homenagem à Unilab na Câmara Municipal.

ENTREVISTA COM MARCO ANTÔNIO MACHADO:

A RÁDIO ITARANTIM FM pretende dinamizar suas atividades e se prepara para se tornar uma ferramenta de integração inter-regional BA/MG.
O empresário e pecuarista Marco Antônio Azevedo Machado é um homem de muitas atividades nas mais diversas áreas comerciais; carismático e dinâmico, adquiriu a emissora de rádio Itarantim FM em 2015. Agora, após 2 anos realizando estudos e análises para melhorias no sistema de transmissão, iniciou ampla reestruturação para melhorar a forma de contato com as duas regiões alcançadas pela emissora: primeiro na aquisição de novos equipamentos que está em fase de implantação; agora, iniciou uma reformulação na programação. Marco Antônio nos recebeu em sua sala na Itarantim FM, onde conversamos sobre tais mudanças e o que pretende.

***
Alerta Itarantim – Como está sendo a tarefa de administrar uma emissora de rádio?

Marco Antônio – Confesso, minha vida sempre foi de superação. 
No início pensei muito antes de fechar o negócio. Conversei com minha esposa Andréa Souto Machado, com meus filhos Marco Antônio Filho, que é advogado; Mariana Souto Machado, também advogada e Verbêna que estuda medicina. Refleti com eles e decidi topar o desafio.

A I – E agora?

M A – Agora taí!... me preparei, o investimento não é baixoA Itarantim FM é um grande instrumento social. Estamos trabalhando para melhorar a qualidade e dinamizar um veículo deste tamanho; um veículo que alcança o Centro Sul da Bahia e o Norte de Minas Gerais. 

Temos uma equipe muito boa e responsável, a qual agradeço e aprendi ter carinho; agora, juntos, estudaremos um padrão. É um orgulho para nós que trabalhamos nele...

...vejam que a emissora é um instrumento de integração: de acordo a Agência Nacional de Telecomunicações – ANATEL, no Médio Sudoeste da Bahia, alcançamos Encruzilhada, Itambé, Itapetinga, Itororó, Macarani, Maiquinique, Potiraguá, Ribeirão do Largo, também Vitória da Conquista; na Região de Itabuna, Belmonte, Buerarema, Camacan, Canavieiras, Firmino Alves, Floresta Azul, Gandu, Ibicaraí, Itabuna, Itaju do Colônia, Itapé, Itapebi, Mascote, Nova Ibiá, Pau Brasil, Santa Cruz da Vitória, Santa Luzia, São José da Vitória; na Região de Eunápolis, além de Eunápolis, Guaratinga, Itabela, Itagimirim, Jucuruçu, Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália.

No Estado de Minas, estamos presentes na Microrregião de Almenara, que além Almenara, alcançamos Bandeira, Divisópolis, Felisburgo, Jacinto, Jequitinhonha, Joaíma, Jordânia, Mata Verde, Monte Formoso, Palmópolis, Rio do Prado, Rubim, Salto da Divisa, Santa Maria do Salto e Santo Antônio do Jacinto.

É uma emissora muito grande. Portanto, não podemos nos permitir se recolher apenas ao resumo local. Seremos um canal interestadual.

A I – Essa é a nova proposta da rádio?

M A – Sim! Aos poucos implementaremos um projeto. Tenho conversado muita gente: empresários, políticos, governantes e representantes sociais. Afinal, estamos no ar em mais de 100 municípios dessa região fronteiriça (BA-MG). É uma população muito grande. Uma emissora com tanta potência não pode se resumi, tem a obrigação de está inserida de forma cotidiana em tais regiões.

A I – Como seria isso?

M A – Levando a eles (municípios) uma programação mais plural: desde o entretimento, na produção de conteúdo cultural, bem como na informação jornalística de interesse público.

A I – O que está sendo feito?

M A – Primeiro melhorando o sistema de transmissão. Isso nos possibilitará mais qualidade no sinal recepcionado; depois na modernização de nossos programas. Já na próxima segunda-feira, 21 de agosto, levaremos ao ar nosso novo Rádio Jornal, Radar 97,1. Já falei do alcance da Itarantim FM, o que faremos agora será se fazer presente e promover a Integração Regional do Centro Sul da Bahia e do Norte de Minas produzindo conteúdos jornalísticos e de comunicação social através do Programa jornalístico RADAR 97,1, que funcionará como um canal de comunicação de relação das populações com seus governos e instituições que formam seus mecanismos sociais: uma ferramenta para impulsionar a região, econômica e socialmente.

A I – Então, a partir de segunda-feira, 21 de agosto, começa o novo Rádio Jornal?

M A – Sim: a partir do meio dia.
Será um programa dinâmico e responsável, com correspondentes em Brasília, Salvador e Belo Horizonte, trazendo as informações que interessam as regiões de alcance da rádio; e ainda, trabalhando na produção de conteúdos jornalísticos dos municípios. Assim, convido a todos: cidadãos, empresários comerciante, políticos e agentes sociais para ouvir nossos programas, interagir e ser parte desse projeto de integração inter-regional. 

17 de agosto de 2017

Lula na Bahia: confusão entre grupos a favor e contra o PT toma conta da Arena

 Por Redação BNews 

Uma confusão tomou conta da Arena Fonte Nova com a chegada do ex-presidente Lula ao local.  Um grupo com faixas pedindo a intervenção militar foram acuados por militantes do PT. Um princípio de confusão iniciou, porém a polícia interviu e impediu a briga. De um lado uns gritavam "golpistas, fascistas, não passarão” e do outro pediam “fora PT”.                        
Assista:

É POR IDEOLOGIA POLÍTICA OU MARKETING POLÍTICO? FAMOSOS SE FILIAM AO PT

Sucesso na Globo, Fábio Assunção decide filiar-se ao PT
Foto: Divulgação
O ator Fábio Assunção filiou-se ao Partido dos Trabalhodores (PT) do Rio de Janeiro. A novidade foi divulgada pela própria sigla através de uma nota. "O mais novo filiado, inclusive, é um nome conhecido do público: o ator Fábio Assunção”. Além dele, os também atores Tássia Camargo e Nando Cunha entraram para a agremiação. A imagem do globa já está sendo utilizadas em peças publicitárias. Vale lembrar que Fábio está escalado para a próxima novela das 23h, “Onde Nascem os Fortes”, que estreia em abril de 2018. Ele será o juiz Ramiro Curió, um vilão, que se envolverá em um triângulo amoroso com Patrícia Pillar e o também vilão Alexandre Nero.

16 de agosto de 2017

BOMBA! BOMBA! BOMBA! PREFEITURA DE ITARANTIM É DERROTADA NA JUSTIÇA NO CASO DAS 40 HORAS

Tribunal de Justiça mantém decisão em favor da APLB de Itarantim

Resultado de imagem para aplb

Por ASCOM/APLB

Ocorreu no dia 14 de agosto, no Tribunal de Justiça da Bahia, o julgamento do recurso impetrado pela Prefeitura de Itarantim contra decisão em favor de 29 professores do município. Os desembargadores votaram de forma unânime por manter a decisão liminar do Juiz Ricardo Guimarães, que derrubou o Decreto Municipal nº 69/2017, e determinou que os professores retornassem a sala de aula, sob pena de multa.

De acordo com á Coordenadora da APLB-Sindicato de Itarantim  Iara Cajá  “Esta não foi uma vitória do Sindicato, mas sim da legalidade, pois prevaleceu o respeito ao Estatuto do Magistério de Itarantim. Esperamos que o Gestor e sua equipe possam enfim reconhecer os direitos dos professores, e passe a centrar esforços na melhoria de nossa educação. A APLB sempre foi e continua aberta para o diálogo com a Prefeitura”.
ENTENDA O CASO
Em 2016, mais de 80 professores tiveram acesso à suplementação de carga horaria, de 20 para 40hs, prevista do Plano de Carreira e do Estatuto do Magistério de Itarantim. Porém, o novo Prefeito determinou a redução dos salários de 29 destes trabalhadores, sem qualquer processo administrativo. Todos os atingidos fizeram oposição declarada ao prefeito eleito.

Sem qualquer aviso prévio, estes profissionais tiveram o salário do mês de Janeiro cortado pela metade – inclusive uma das professoras chegou a receber R$226,81 – duzentos e vinte e seis reais e oitenta e um centavos! O setor Jurídico da APLB ingressou com uma ação judicial, e por determinação do Juiz, o Prefeito teve que chamar novamente os professores para cumprir jornada de 40hs semanais. A prefeitura recorreu, e pela segunda vez teve negado o provimento ao seu recurso.

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA: SEM LULA NA CORRIDA, QUEM GANHA É BOLSONARO, SEGUNDO PESQUISA ELEITORAL

Poder360: Bolsonaro lidera em cenários sem Lula; nome tucano influencia disputa
Foto: Roberto Stuckert | Agência Câmara
Por BN

Pesquisa DataPoder 360 divulgada nesta quarta-feira indica que se o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), 71 anos, não participasse da eleição presidencial em 2018, o maior impacto positivo seria sobre a candidatura do deputado federal Jair Bolsonaro (RJ), que saiu do PSC para se filiar ao PEN (que mudará o nome para Patriota). Em um dos cenários, sendo Lula substituído pelo ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), Bolsonaro atinge 27% da preferência, liderando com margem elevada: o segundo lugar, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), obtém apenas 9%. Na sequência aparecem empatados Ciro Gomes (8%) e Marina Silva (8%), e finalmente Haddad, com 3%. Brancos e nulos conseguem reunir ainda mais pessoas: são 38% dos entrevistados, enquanto 7% não souberam ou não responderam. Ainda sem Lula, se o concorrente do PSDB for o prefeito de São Paulo, João Dória, a diferença entre Bolsonaro e os outros postulantes diminui: o deputado consegue 25% e permanece em primeiro lugar, seguido do tucano (12%), de Ciro (9%), de Marina (6%), e finalmente Haddad (5%). Brancos e nulos ainda respondem pela maioria: são 36%. Os que não souberam ou não opinaram representam 8%. Nos cenários em que Lula participa, ele lidera e Bolsonaro aparece em segundo – quem faz a diferença é o candidato do PSDB. Quando o tucano em questão é Alckmin (4%), a disputa fica entre os dois primeiros: Lula fica com 32% e Bolsonaro com 25%. Ciro fica com 4% e Marina em último, com 3%. A quantidade de nulos e brancos ainda é elevada (23%); 10% não souberam ou não opinaram. Na simulação com Dória, Lula perde um ponto percentual, mas ganha distância: enquanto tem 31%, Bolsonaro passa a ter 18%. Dória fica logo atrás com 12%, seguido de Ciro (6%) e Marina (3%). A quantidade de brancos e nulos se mantém em 23%; 7% não souberam ou não opinaram. Foram entrevistadas 2.088  pessoas em 197 cidades entre os dias 12 e 14 de agosto. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.